Adoção do ponto eletrônico impresso é adiada pela quinta vez


 

Economia - 29/12/2011 - 06:53:34

 

Adoção do ponto eletrônico impresso é adiada pela quinta vez

 

Da Redação com Abr

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.


O Ministério do Trabalho adiou pela quinta vez a adoção do ponto eletrônico impresso pelas empresas e fixou datas entre os meses de abril e setembro para a entrada em vigor, de acordo com setores de atividades econômica. O ponto eletrônico passaria a valer a partir de 1º janeiro de 2012. As novas datas estão em portaria publicada ontem (28) no Diário Oficial da União.

Ao prorrogar o prazo, o texto da portaria cita as dificuldades operacionais ainda não superadas em alguns segmentos da economia para implantação do Sistema de Registro Eletrônico de Ponto.

A partir do dia 2 de abril de 2012, o novo ponto eletrônico passa a valer para as empresas que exploram atividades na indústria, no comércio em geral e no setor de serviços, incluindo, entre outros, os financeiros, de transportes, de construção, de comunicações, de energia, de saúde e de educação.

Em 1º de junho do próximo ano, a obrigatoriedade entra em vigor para as empresas que exploram atividade agroeconômica. A partir de 3 de setembro de 2012, valerá para as microempresas e empresas de pequeno porte.

A adoção do ponto eletrônico vem gerando divergências entre os setores sindicais e as confederações patronais. Para os sindicatos, exigência vai evitar que os trabalhadores façam horas extras e não recebam por elas. Já as entidades sindicais patronais argumentam que a adoção do ponto eletrônico pode gerar altos custos, principalmente para as pequenas empresas. Segundo o Ministério da Trabalho, a regra está sendo adotada para evitar fraudes na marcação das horas trabalhadas.

;

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.

O MT fixou novas datas entre os meses de abril e setembro para a implantação do ponto eletrônico impresso, que passaria a valer a partir do dia 1º.

Links
.
.
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Câmara aprova decreto de intervenção no Rio de Janeiro


Vereadores petistas querem indenização da prefeitura de São Bernardo


MTST realiza discursos políticos contra reforma da Previdência em São Bernardo


MTST descumpre acordo e faz passeata em São Bernardo


Temer convoca Exército para intervir na segurança do Rio de Janeiro


Justiça manda Corinthians e Odebrecht devolverem R$ 400 milhões para a Caixa