Corinthians perde para o lanterna Atlético-GO em Itaquera


 

Esporte - 26/08/2017 - 22:09:17

 

Corinthians perde para o lanterna Atlético-GO em Itaquera

 

Da Redação com Gazeta Esportiva

Foto(s): Gazeta Press

 

O lanterna do campeonato fecha a fatura em cima do Timão na casa líder

O lanterna do campeonato fecha a fatura em cima do Timão na casa líder


O líder do Campeonato Brasileiro, jogando em casa, foi derrotado pelo lanterna. Na noite deste sábado, o Corinthians pressionou bastante o Atlético-GO, mas perdeu por 1 a 0 e acumulou o seu segundo tropeço consecutivo em Itaquera – antes, caiu pelo mesmo placar diante do Vitória, mais um time que luta contra o rebaixamento.

Apesar da derrota inesperada, a situação do Corinthians na tabela de classificação ainda é confortável. São 10 pontos de vantagem para o segundo colocado Grêmio (50 a 40), que só entrará em campo no sábado que vem, contra o Sport, em Porto Alegre. Seja como for, as esperanças dos concorrentes foram renovadas.

O Corinthians terá bastante tempo para se reabilitar emocionalmente do gol marcado pelo zagueiro Gilvan, com uma cabeçada após cobrança de escanteio, no início do segundo tempo. Como o Campeonato Brasileiro será paralisado em meio às próximas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo, o líder voltará a jogar apenas em 10 de setembro, diante do Santos, na Vila Belmiro.

O Atlético-GO enfrentará o Bahia no dia seguinte, no Olímpico de Goiânia. O último colocado, agora com cinco vitórias na competição nacional, passou a computar 18 pontos e continua com chances remotas de se salvar da queda para a Série B.

O JOGO

Como era esperado, o Corinthians não teve problemas para manter a bola no seu campo de ataque desde os primeiros minutos de partida. O que não significava chances de gol em profusão diante do lanterna do Campeonato Brasileiro.

Bem fechado na defesa, o Atlético-GO obrigava o Corinthians a rodar a bola de um lado a outro do gramado, à procura de espaços para incomodar o goleiro Marcos. O time de Fábio Carille, então, recorria ao que o técnico prefere evitar – levantamentos na área.

Nesse ponto, a presença do aniversariante Kazim, o substituto do suspenso Jô, era importante para fazer o Corinthians chegar ao gol. O corpulento centroavante quase sempre levava a melhor no jogo de corpo com os seus marcadores. Aos 18 minutos, por exemplo, ele ganhou pelo alto após Clayson erguer a bola da esquerda e deixou Fagner livre para abrir o placar na entrada da pequena área. O lateral direito concluiu para fora.

O Atlético-GO se assustou com o lance de perigo do líder e passou a cometer uma série de vacilos defensivos, colaborando com a pressão corintiana. Quando tentava responder, por meio de contra-ataques, contava com alguma técnica do rechonchudo Walter na armação, mas via o futebol pouco produtivo de sua campanha prevalecer.

Ainda assim, o Corinthians só não foi vazado pelo lanterna ainda na etapa inicial em função de uma boa intervenção de Cássio. Jorginho buscou o canto em uma cabeçada, depois do cruzamento de Andrigo, e o goleiro da Seleção Brasileira se esticou para defender aos 31 minutos.

O Corinthians aumentou o seu ímpeto ofensivo a partir de então. Aos 35, Fagner cruzou do bico da área, e Kazim desferiu uma testada na bola, que subiu demais. Dois minutos mais tarde, o lateral direito seguiu o exemplo de alguns dos seus companheiros e resolveu arriscar o chute de longa distância. Acertou a trave.

Insatisfeito com as chances criadas, Fábio Carille mudou o Corinthians no intervalo. Trocou Gabriel por Camacho. Só não esperava que o prejuízo de sua equipe se tornasse ainda maior logo aos dois minutos. Bruno Pacheco cobrou escanteio na área, e Gilvan se antecipou a Kazim para desviar a bola e fazer a alegria do Atlético-GO em Itaquera.

O gol do lanterna foi o bastante para tirar a paciência de torcedores posicionados nos setores mais caros de Itaquera. Até então arrancando aplausos por sua disposição, Kazim não recebeu perdão já na primeira de uma série de falhas no ataque. Assim como o pouco objetivo Clayson. Moisés, também pela força do hábito, era outro criticado.

Passados alguns minutos, o ambiente voltou a ser de apoio ao Corinthians, até porque o time ficou próximo de empatar o jogo. Aos 13 minutos, Clayson teve a grande chance de marcar após Marcos dar rebote em cabeçada de Rodriguinho. Livre, ele mandou para fora. Pouco depois, o goleiro salvou o Atlético-GO em um chute de Kazim, cara a cara.

Carille decidiu mexer no seu ataque. O primeiro a entrar foi Marquinhos Gabriel, no lugar do desgastado Jadson. O segundo era quem a torcida queria – o jovem centroavante Carlinhos fez a sua estreia na vaga de Moisés, empurrando Maycon para a lateral esquerda.

Mudado, o Corinthians se expôs completamente em busca de, no mínimo, um empate. Com o passar do tempo, a equipe e a torcida tinham menos calma na esperança de se desvencilhar da retranca do Atlético-GO, que chegou até a criar uma e outra oportunidades de gol nos minutos derradeiros.


FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 1 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)

Data: 26 de agosto de 2017, sábado

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Péricles Bassols (PE)

Assistentes: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)

Público: 40.581 pagantes (total de 40.811)

Renda: R$ 2.405.425,90

Cartões amarelos: Igor, Andrigo, Marcos, Walter e Paulinho (Atlético-GO)


Gol

ATLÉTICO-GO: Gilvan, aos 2 minutos do segundo tempo


CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Pablo e Moisés (Carlinhos); Gabriel (Camacho), Maycon, Jadson (Marquinhos Gabriel), Rodriguinho e Clayson; Kazim - Técnico: Fábio Carille

ATLÉTICO-GO: Marcos; Jonathan, William Alves, Gilvan e Bruno Pacheco; Igor (Marcão Silva), Paulinho (Everton Heleno), Luiz Fernando (Niltinho), Jorginho e Andrigo; Walter - Técnico: João Paulo Sanches

 



;

Links
Vídeo
Turismo SBC


Últimas Notícias




Chilenos escolhem hoje novo presidente


Inep libera conteúdo de videoprovas em libras do Enem 2017


Malcolm Young do AC/DC morre aos 64 anos


Polícia prende Ronan Maria Pinto, dono do Diário do Grande ABC


Luiz Marinho é denunciado por fraude à licitação com agravantes e falsificação de documentos


Raquel Dodge defende prisão após condenação em 2ª instância em parecer enviado ao STF