Governo fará censo de migrantes venezuelanos no Brasil


 

Nacional - 31/01/2018 - 15:57:49

 

Governo fará censo de migrantes venezuelanos no Brasil

 

Da Redação com Abr

Foto(s): Reprodução Euronews

 

Estado de emergência social em Manaus para lidar com migrantes venezuelanos

Estado de emergência social em Manaus para lidar com migrantes venezuelanos


O governo federal decidiu realizar um censo dos migrantes venezuelanos que entraram no Brasil em razão da crise política e econômica no país vizinho. Diante das informações do levantamento, o Palácio do Planalto analisará novas medidas a serem tomadas.

Com a deterioração da economia do país presidido por Nicolás Maduro, venezuelanos têm cruzado a fronteira e se estabelecido no Brasil, principalmente no estado de Roraima, nas cidades de Pacaraima e Boa Vista. O governo não informou quando será iniciado o censo.

O tema foi discutido em reunião interministerial realizada ontem (30), coordenada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Participaram os ministros Torquato Jardim (Justiça), Raul Jungmann (Defesa), Ricardo Barros (Saúde), Osmar Terra (Desenvolvimento Social), Sérgio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional) e do secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores, embaixador Marcos Galvão.

A situação tem sido monitorada pelo governo federal, que dá apoio técnico e financeiro ao estado de Roraima para atender a essa população. Durante a reunião ministerial, ficou decidido que serão intensificadas as ações na região.

No ano passado, foram repassados R$ 793 mil para abrigos destinados a migrantes indígenas e não indígenas. Além disso, foram destinadas 82 toneladas de alimentos para os venezuelanos abrigados em Pacaraima e Boa Vista, além de um repasse de R$ 42,4 milhões pelo Ministério da Saúde.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias



Dólar fecha em queda e Bovespa sobe 2,83%


Governo decide manter começo do horário de verão em 4 de novembro


BTG Pactual/FSB: Jair Bolsonaro tem 59% dos votos válidos; Haddad, 41%


Boleto acima de R$ 100 poderá ser pago em qualquer banco


Carla Morando está na liderança para estadual no Grande ABC


3,6 milhões de títulos de eleitor no país foram cancelados por não fazer o cadastro biométrico